Passo a passo para um quilt moderno

Passo a passo para um quilt moderno

A modern quilter Fabiana Giondoso mostra como fazer um quilt em casa reciclando retalhos de tecidos.


Janeiro é conhecido pelos adeptos do patchwork como o mês da faxina, iniciativa que beneficia e facilita a troca e doação de retalhos entre os artesãos. Símbolo desta modalidade existente há milhares de anos, o quilt inspira a artesã e modern quilter Fabiana Giondoso na apresentação do curso online “Preciosos Retalhos: Reaproveitamento de tecido em patchwork”, que será exibido ao vivo e gratuitamente de 15 a 17 de janeiro, das 14 às 17 horas, na eduK.

“O patchwork é um trabalho de carinho que une as pessoas como um abraço através das colchas que fazemos para as clientes”, conta Fá Giondoso, reconhecida na área por trazer modernidade ao patchwork.

O quilt é feito com a junção de três camadas: o topo, quando os retalhos estão costurados entre si; o enchimento, que é o material usado para dar volume; e o forro, tecido para dar melhor acabamento à peça. O patchwork moderno de Fá Giondoso utiliza formas mais geométricas e assimétricas e já repercute no Brasil.

Durante o curso, serão utilizadas sete técnicas mesclando conceitos tradicionais e modernos como hexágonos e triângulos, Garoa, Mod, ladrilhos, Log Cabin e Spider Web, além de trabalhar com o reaproveitamento máximo de cada retalho, transformando-os em lindas peças.

Fabiana deixou uma "palhinha" do que você vai aprender no curso, o passo-a-passo para a confecção da Manta de Primavera, ideal para presentear alguém especial ou para colorir a casa.

Passo a passo para um quilt moderno

Material:
- Faixas coloridas de retalhos de diversos comprimentos, mas de mesma largura;
- Quadrados brancos para o centro de cada bloco;
- Flanela para o forro da manta;
- Máquina de costura;
- Tesoura, régua e cortador para patchwork;
- Ferro de passar;
- Fita métrica.

Detalhes importantes:

- Neste tutorial usa-se margem de costura de 1/4 de polegada (use o pé calcador apropriado de sua máquina ou regule a posição da agulha).

- Todas as faixas de tecido foram cortadas com 2,5 cm de largura.

- O quadrado inicial e as faixas têm a mesma largura. Comece com quadrados de 2,5 cm, logo, as faixam tinham 2,5 cm de largura. Você pode usar qualquer medida para esse quadrado inicial (maior ou menor). Lembre-se de que as faixas têm a mesma largura do quadrado inicial.

Passo-a-passo:

Comece com 1 quadrado branco de 2,5 cm (ou a medida que você quiser) e um quadrado de mesma medida estampado.



Costure os dois quadrados.



 Abra toda costura com o ferro. Isso é muito importante para obter blocos uniformes, além de facilitar a união dos mesmos.


Use uma das faixas, circunde o quadrado branco inicial e o costure.



Abra a costura de cada faixa costurada e refile se necessário (corte algum excesso com a régua e cortador).



Coloque a última faixa completando o bloco que "contornou" todo o quadradinho branco inicial.


Usando a linha do quadrado branco como margem, escolha uma medida para refilar seu bloco. Este bloco possui a medida de duas polegadas; corte o excesso. Isso permite que todos os seus blocos tenham o mesmo tamanho final.


Repita o processo e faça quantos blocos forem necessários para sua manta. Para calcular o tamanho final de sua peça meça o primeiro bloco e calcule quantos serão necessários para "preencher" a área final.


Una todos os blocos por faixas horizontais. Depois, una essas faixas entre si e forme sua peça final.


Com a ajuda de uma fita métrica, meça a peça final (que pode ser quadrada ou retangular, como você preferir e projetar). Calcule o tamanho do forro de flanela que deve ser cortado na medida exata do topo do trabalho (blocos unidos).


Direito da flanela com direito do topo, una ambas partes com a ajuda de alfinetes.


Comece a costura pelo centro e deixe um pequeno buraco para virar a peça do lado direito.


Após costurar, lembre-se de cortar os quatro cantos do trabalho (apenas uma pontinha, não corte as pontas costuradas, somente o excesso).


Vire a peça para o lado direito. Se necessário, use uma agulha de tricô ou um lápis para acertar as pontas (o excesso de tecido cortado na etapa anterior faz com que os cantos fiquem menos volumosos). Dê formato na peça com o ferro de passar e coloque as bordas da parte descosturada para dentro da peça. Se desejar, alfinete esse buraco do trabalho.


Costure bem na pontinha para fechar o buraco e contorne toda a peça. Se desejar você pode "ecoar" essa costura por mais algumas vezes o que deixará os cantos de seu trabalho mais firmes.


Sua manta dupla face está pronta!


A escolha das cores para seus blocos ou até mesmo para todo o trabalho é muito livre. Nesse quilt foi usado a mesma técnica, mas somente com rosa:



Nada impede que você coloque manta, faça o quilting como desejar e coloque viés.

Passo a passo para um quilt moderno


Gostou deste PAP? Então você vai gostar mais ainda de assistir o curso da Fabiana gratuitamente. Inscreva-se no link abaixo:

Curso Grátis: Preciosos Retalhos: Reaproveitamento de tecido em patchwork com a Fabiana Giondoso 

Data:15 a 17 de janeiro de 2015, das 14 às 17 horasReprise: mesmo dia das 19h às 22hNão conseguiu assistir? Você pode comprar o curso na Eduk, veja no site como fazer.